Animais, Nossos Irmãos - Eurípedes Kuhl

Animais, Nossos Irmãos - Eurípedes Kuhl

6 10 99
Animais, Nossos Irmãos - Eurípedes Kuhl 10 6 99
Resumo: Eurípides Kuhl, renomado autor espírita, analisa a vida animal sob a ótica espírita, respondendo diversas dúvidas que permeiam a nossa curiosidade, especialmente sobre o destino dos animais após a morte. Já é sabido que os animais vivem nas colônias espirituais, conforme relatado em diversos romances mediúnicos. Trata-se de um livro interessante e consolador, especialmente para quem já perdeu algum animalzinho de estimação.


Ficha Técnica:
Autor: Eurípides Kuhl
Páginas: 208
Tamanho: 14x21



Trecho: A Doutrina Espírita é rica em conceitos que abrangem todas as áreas do comportamento humano, máxime do comportamento espiritual. O tema "animais" não foi excluído dela, antes, pelocontrário, é pródiga a massa de informações que permeia a literatura espírita, mas de forma generalizada. Por isso, decidimos pela empreitada de estudar todas as possíveis nuances que envolvem a questão, de forma a oferecer aos interessados uma visão mais abrangente e detalhada sobre a vida e a morte desses nossos companheiros de morada terrena (e espiritual), os animais. Logo percebemos que as obras que tratam dos animais, se científicas, abordam temas específicos de determinada espécie e,se espíritas, a questão é tratada esparsamente. Das segundas, depreende-se que os animais têm alma (diferente da humana), Inteligência rudimentar, evoluem, sobrevivem à morte, e, que, na Terra, merecem o respeito e a proteção do homem. Restou-nos o desejo de reunir e ampliar o entendimento, já que inúmeros ângulos precisavam de maior iluminação, sendo isso cobrado pelo nosso espírito, sob a chancela da curiosidade. Então, saindo dessa superfície, logramos adentrar num mundo maravilhoso, onde a Vida espelha a Sabedoria de Deus e onde Entidades Angelicais, sempre agindo em nome do bem, cuidam dos animais e por eles têm amor! Todos os indicativos naturais da vida nos conduziram à certeza de que ontem éramos animais, quais os que hoje nos servem. Depois, outras certezas: Amanhã, esse mesmo animal ingressará no reino hominal; se nós ainda não estivermos no estágio angelical, talvez ele poderá ser da nossa família...; a dor que infligimos ao animal coloca-nos diante da Lei de Causa e Efeito como devedores de iguais padecimentos; o mundo é uma grande escola e uma grande casa, como a nossa própria - todas as casas pertencem a Deus e os seres vivos terrenos nelas não passam de inquilinostemporários...; por tudo isso, todos somos irmãos: homens e animais! Prudente será que o mais breve possível nos integremos no contexto do amor universal, qual a mãe-natureza que desde nossa criação vem abençoando a todos os seus filhos. Homens e animais. Se aos primeiros, por mérito, é dispensado o incomparável dom da inteligência, os segundos estão em seu caminho para disso se beneficiar, tanto quanto os Anjos, igualmente por mérito, têm a Pureza e a Luz, que estão sempre repassando à Humanidade. Eis porquê os animais, nossos irmãos inferiorizadosna escala biológica, mas herdeiros semelhantes a nós das benesses divinas, têm os mesmos direitos que requeremos do mundo: a vida, a liberdade, o respeito e o Amor! Moveu-nos a preocupação constante de evitar colisões com as Ciências e principalmente com a Doutrina Espírita.

0 comentários:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

 
BLOG DO LIVRO ESPÍRITA © 2015 | Todos os direitos reservados | Design By Duy Templates
Top