Papa Francisco e a lição de humildade

Papa Francisco e a lição de humildade

6 10 99
Papa Francisco e a lição de humildade 10 6 99
Independente de ser o líder da Igreja Católica, o Papa Francisco, em sua visita ao Brasil, deixou uma bela lição de humildade para todos nós. Já tem até espírita achando que o Papa Francisco é a reencarnação de São Francisco de Assis. Isso eu não sei dizer e acho até um certo exagero, mas confesso que me emocionei frente a algumas atitudes e palavras do padre que escolheu o nome de São Francisco para representá-lo.

O Papa Francisco andou por diversas partes com um sapato velho. Rezou junto com evangélicos, os mestres da intolerância religiosa. Recebeu presentes de candomblecistas. Visitou favelas. Disse não ser ninguém para julgar os homossexuais. Incentivou os jovens na luta contra a corrupção.  Assumiu que a Igreja Católica vinha perdendo seguidores para os protestantes por ter deixado de dar a devida atenção aos seus fiéis. Em outro momento, numa missa do Vaticano, falou que a Igreja deve receber em seu seio as mães solteiras.

Papa Francisco vem pregando o amor, a tolerância às diversidades, a união dos povos. Tem feito o que todo líder religioso deveria fazer. Por isso merece todo o nosso respeito e admiração. Deixo registradas aqui algumas de suas lições de humildade:

  1. Em comunidade carente, papa Francisco entrou em templo da Assembleia de Deus e orou Pai Nosso com pastores e fiéis
  2. Papa Francisco agrada todas as tribos
  3. Em missa, papa Francisco defende batismo de filhos de mães solteiras
  4. Gestos simples de Francisco melhoram imagem da Igreja
  5. Fotografia do sapato velho do Papa subindo a escada não significa desleixo", mas de liberdade interior
  6. Fantástico exibe entrevista exclusiva com Papa Francisco
papa-francisco-e-os-gays
“É preciso valorizar a originalidade dinâmica que caracteriza a cultura brasileira, com a sua extraordinária capacidade para integrar elementos diversos”, disse Francisco, ovacionado pelas 2000 pessoas presentes. “A convivência pacífica entre as diferentes religiões é beneficiada pela laicidade do Estado, que respeita e valoriza a presença do fator religioso na sociedade, favorecendo suas expressões concretas”, concluiu, cumprimentando também o babalaô Ivanir dos Santos (57), defensor do direito constitucional à liberdade religiosa. “Pela primeira vez um representante do candomblé é recebido por um papa. Isso é inédito”, destacou Ivanir.

2 Comments
Comments
  1. Concordo plenamente..o que é mais importante é a nossa religiosidade e o respeito pelo próximo,que infelizmente está faltando no nosso meio espírita..

    ResponderExcluir
  2. Meu pai desde a infância sempre teve grande ligação com Santo Antônio. Depois de adulta, manifestada (e o mais importante) e compreendida a minha mediunidade eu converso com o mentor do meu pai terreno que se chama Antônio. Ele me disse que meu pai tem uma relação com o Santo Antônio, pois que no mundo espiritual existiriam "falanges" a serviço do bem direcionadas (se posso assim dizer) por espíritos mais elevados, dentre eles Santo Antônio, São Francisco, Dr. Bezerra e Menezes... Ele me confidenciou ainda que ele e meu pai são amigos do plano espiritual e que juntos trabalhavam nesta "falange" cujo o mentor era Santo Antônio. Em uma de nossas conversas ele me confidenciou que Santo Antônio estava na Terra. Não me disse o seu nome, mas me disse que era um religioso que se tornaria um grande expoente dentro do cristianismo conhecido por sua humildade e docilidade, que sua existência terrena até a vida adulta fora abatida de sofrimento físico (o Papa Francisco possui só um pulmão), a idade adulta teria sido de muito trabalho e tentativas externas de tirá-lo de seu rumo (problemas políticos na Argentina, mas sempre junto a população humilde) até chegar no momento e lugar em fosse designado. Isso foi antes do Papa Francisco tornar-se Papa, até então eu nunca havia ouvido falar dele. Não tenho a confirmação, mas acredito tratar-se dele.
    Apesar do espiritismo tratar-se de outra vertente religiosa, se é que podemos dizer assim, mas vejo o Catolicismo (a sua essência e principal função - levar o nome de Jesus) de inegável importância para ainda hoje termos os ensinamentos de Jesus.
    Meu pai me revelou que na reunião medi~unica do Centro Espirita que frequenta um espírito que lá trabalha revelou que o mundo espiritual estava em festa e que aquele era um dia muito importante para eles.O dia foi o último dia 25.03. Meu pai perguntou a minha avó, muito católica, se na Igreja havia algum festejo e minha avó falou que era o dia da Anunciação de Nossa Senhora, ou seja, o dia em que Maria soube que conceberia Jesus e este desceu a Terra. Para os espiritas Jesus chegou a terra no ventre de Maria e não no momento de seu nascimento. Esse tipo de conhecimento nos é dado até os dias de hoje pelo catolicismo. Acredito na Bíblia, no livro de Mateus quando Jesus diz "Pedro tu és pedra e esta pedra edificarei a minha Igreja e as portas do inferno nunca prevalecerão sobre ela. Tudo o que ligares na Terra será ligado no céu e tudo o que desligares na terra será desligado no céu". Claro que, onde está o homem existe a corrupção e os desvios, mas a essência é Jesus.

    ResponderExcluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

 
BLOG DO LIVRO ESPÍRITA © 2015 | Todos os direitos reservados | Design By Duy Templates
Top